domingo, 1 de dezembro de 2013

A verdade sobre o mito da poltrona 36

esporte-futebol-times-rebaixados-20130909-06-size-620

O mito da Poltrona 36 foi desmentido por Cláudio Duarte no programa da última segunda-feira. Segundo o treinador, que não conseguiu manter o Grêmio na primeira divisão em 2004, o episódio conhecido como “Poltrona 36” não existiu. A lenda conta o seguinte:
– dois jogadores do Grêmio na época, dois zagueiros – segundo a fofoca, teriam tido algo homossexual dentro do Trovão Azul, ônibus do tricolor. E isso teria acontecido na Poltrona 36.
Segundo Cláudio Duarte, foi o que segue que aconteceu: o Grêmio venceu a partida contra a Ponte preta, 6 a 1, e a direção liberou cerveja no ônibus na volta. Os jogadores estavam felizes com o respiro no Campeonato e voltaram para Porto Alegre festeando no andar debaixo do ônibus. Lá, onde acontecia a festa, não existia poltrona 36. E o que aconteceu foi que um dirigente queria dormir no andar de cima e foi pedir silêncio aos jogadores. Não foi atendido e voltou à sua poltrona reclamando que “os caras estavam de sacanagem lá embaixo”. A palavra SACANAGEM pegou e transformou essa viagem na lenda “Poltrona 36”.


7 comentários:

Anônimo disse...

Que grande mentira do Claudião... Esses dias, até o jogador Michel Bastos, em um programa de TV esportivo, confirmou a história, que ocorreu na época que estava no Grêmio.

Héctor Palomino disse...

E a declaraçao do Helio Dourado Sr Claudião..??

Anônimo disse...

E o falcão gay ? Deu o cú pra instrutor ! Até a " mulher " dele disse que era verdade !

Anônimo disse...

O PRÓPRIO HÉLIO DOURADO PRESIDENTE DO GRÊMIO NA ÉPOCA CONFIRMOU O EPISÓDIO. ACEITA COLIGAY QUE DÓI MENOS. OUTRA COISA ESSA HISTÓRIA DO FALCÃO NÃO TEM CONFIRMAÇÃO.

Anônimo disse...

HÉLIO DOURADO PRESIDENTE GREMISTA NA ÉPOCA CONFIRMOU O FATO. MICHEL BASTOS JOGADOR DO GRÊMIO TAMBÉM.

Anônimo disse...

A DIREÇÃO DO GRÊMIO OBRIGOU A COLIGAY,ÚNICA TORCIDA ASSUMIDAMENTE HOMOSSEXUAL DO MUNDO A MUDAR O NOME PARA GERAL PARA EVITAR A GOZAÇÃO DOS ADVERSÁRIOS.

Anônimo disse...

Grêmio vergonha nacional é conivente com o racismo da torcida.E é homofóbico porque obrigou a COLIGAY a mudar o nome pra GERAL.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...