segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

SÓ-LIMÕES X SÓ-MORANGOS


Gesseiro profissional


Um amigo meu trabalha com gesso, faz qualquer tipo de trabalho, até teto rebaixado. Se alguém precisar, avise.

terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

Filho do Kannemann na escolinha

video

Na LIBERTADORES: amarelo por simulação. No GAUCHÃO: pênalti pro Inter

video

Grêmio consegue penhora de parte de venda de Pratto por dívida do Galo


O Grêmio obteve nesta segunda-feira uma vitória judicial para conseguir o pagamento da dívida ainda pelo goleiro Victor, vendido ao Atlético-MG em 2012. Por decisão do juiz Mauro Caum Gonçalves, da 17ª Vara Cível de Porto Alegre, o São Paulo precisa depositar parte do dinheiro da compra do argentino Lucas Pratto junto ao Galo em uma conta dada pelo clube gaúcho. O débito dos mineiros com os tricolores vem sendo discutido judicialmente desde o ano passado.  O clube gaúcho trabalha para enviar a notificação ao São Paulo ainda na noite desta segunda.

A decisão judicial prevê o depósito pelo São Paulo diretamente em uma conta vinculada ao processo no valor de R$ 10.508.626,199. O texto também cita que um imóvel oferecido pelos mineiros para penhora tinha alienações passadas e não poderia ser utilizado para este fim. Os dois clubes serão notificados da decisão da Justiça para que a situação seja cumprida em um prazo determinado. O Galo também pode recorrer e levar o caso a maiores instâncias. 

A negociação do Atlético-MG com o São Paulo para vender Lucas Pratto girou na casa dos 6 milhões de euros (R$ 20 milhões). Ou seja, metade do dinheiro fica penhorado pela ação judicial gremista. Por meio da assessoria de comunicação do Galo, Lásaro Cândido da Cunha, diretor jurídico do clube mineiro, disse desconhecer o despacho e lembrou que o caso envolve outras pendências, que ainda são discutidas na Justiça.

- O Galo não tem nenhuma informação sobre nenhuma ordem de bloqueio, mesmo porque no processo de Porto Alegre há uma postulação do Grêmio e do Atlético, que deve ser resolvida antes de qualquer coisa. 

O Grêmio trata o despacho como um passo importante, mas não definitivo sobre o caso. O clube gaúcho busca desde 2016 receber o dinheiro da venda do goleiro - antes, durante a temporada de 2015, chegou a conversar com a diretoria do Galo tentando um acordo antes de tomar a decisão de entrar na Justiça. 

O goleiro Victor deixou o Grêmio em junho de 2012, após quatro anos no clube gaúcho. Em troca do jogador, o Grêmio teria direito a receber 50% dos direitos econômicos do zagueiro Werley, atualmente no Coritiba, e 3 milhões de euros, parcelados durante dois anos. 

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

Quer dar uma volta de jangada?

video

Torcedor invade gramado em Honduras e marca gol em clássico...e o pessoal acha que o gauchão é que é uma várzea


O campeonato de Honduras protagonizou o primeiro momento bizarro do futebol na América em 2017. No último domingo, o Montagua vencia o Olimpia até os 48 minutos do segundo tempo quando levou o gol de empate.

Apesar do gol marcado por Roger Rojas nos acréscimos, o que chamou a atenção no lance não foi o tento e sim um intruso dentro do gramado. Durante a jogada, um torcedor invadiu o gramado, sem camisa e chutou uma bola para dentro do gol.

Grêmio segue em busca do dinheiro referente à venda de Victor para o Atlético-MG


A "novela" envolvendo a negociação de #Victor com o #Atlético Mineiro, que começou em 2012, ainda não terminou. Victor deixou o #Grêmio em junho daquele ano, após algumas temporadas defendendo a meta gremista, em troca de 50% dos direitos econômicos do zagueiro Werley e mais 3 milhões de euros.

Em entrevista, Nestor Hein, atual diretor jurídico do Grêmio, revelou que o valor ainda não foi pago ao Grêmio, e que o valor da dívida (com valores reajustados) já passa de 10 milhões de reais e o caso continua na justiça.

“Nós do Grêmio estamos preocupados com a situação, pois a compra de jogadores valorizados como o Atlético anda fazendo demonstra vigor financeiro na parte deles. Eles têm dinheiro em caixa, mas não pagam os débitos que têm conosco. Um time que se diz em dificuldade não poderia fazer grandes investimentos como o Atlético faz”, questiona Hein.

Perguntado sobre a situação, o vice presidente do Grêmio Odorico Roman citou que o clube mineiro não pode ser notificado pela FIFA pois se trata de uma transferência nacional.

Nos últimos meses, o Atlético Mineiro fez grandes contratações como a do volante Elias. O clube pagou ao Sporting R$ 8,4 milhões por 70% dos direitos econômicos do volante que esteve na seleção brasileira por diversas vezes nos últimos anos.


No fim de 2016 o caso já havia ganhado as mídias, e a diretoria do Atlético Mineiro se mostrou preocupada com a situação, já que o clube corria risco de ter alguns bens penhorados e até perder renda de partidas do Brasileirão e Copa do Brasil, mas o diretor jurídico na época informou que ainda não havia sido notificado oficialmente pela justiça.

O diretor do Grêmio confirmou que o clube mantém uma boa relação com o time mineiro, mas que vai atrás dos direitos do clube: “Nós vamos comunicar essa divida à CBF, porque a gente está vendo o que está acontecendo”, observou Nestor Hein.

Na busca por reforços para o campeonato Brasileiro e Libertadores, o Grêmio já confirmou diversas vezes que não tem muito dinheiro em caixa, e que não poderia fazer grandes contratações para o clube devido a isso. Esse dinheiro poderia ajudar na busca por novos jogadores.

Não é a primeira vez que o Atlético é acionado na justiça em relação a dinheiro. Ronaldinho Gaúcho também acionou o clube com uma dívida referente à sua passagem no clube.

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

Descoberto porque a FIFA homologa o título do Inter em 2006



A Fifa cometeu dois erros absurdos em postagem feita no Facebook.

Ao publicar um vídeo na página oficial do Mundial de Clubes, relembrando todos os campeões, a entidade que rege o futebol mundial se equivocou duas vezes ao representar o Internacional, campeão de 2006 em cima do Barcelona, no Japão:

Primeiro, o escudo colorado foi trocado, em um distintivo que ficou longe de parecer o original.

Além disso, a Fifa ainda trocou a foto do time de Fernandão, Alexandre Pato, Clemer, Iarley, Adriano Gabiru e cia. pela imagem da equipe do Corinthians que foi campeã em 2000.

Todos os outros clubes, porém, foram representados por escudos e fotos corretas.

segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

"Eu sou campeão FIFA"... mas a propria FIFA manda tirar o letreiro...


Novo canto da torcida colorada


BM identifica 46 torcedores do Inter após briga em Veranópolis


A Brigada Militar de Veranópolis deteve 46 torcedores do Inter após a briga na arquibancada do estádio Antônio David Farina durante o jogo contra o Veranópolis neste domingo. Eles foram identificadas e liberados após assinar Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO). O grupo seria ligado às torcidas Camisa 12 e Popular.

O chefe da operação da BM no estádio, o capitão Rogério Schuh dos Santos, destacou ainda que objetos usados na briga foram apreendidos com eles. “Pegamos pedras e pedaços de paus que eles usaram na briga”, disse.

A briga na arquibancada causou a paralisação por 17 minutos da partida durante o primeiro tempo. Ainda na noite deste domingo, o Inter anunciou por meio de nota oficial a suspensão das torcidas organizadas envolvidas na briga. 

O volante Rodrigo Dourado falou sobre a briga. Ele disse temer que o clube seja punido por conta da confusão. “A gente fica triste ver a torcida do Inter brigando entre si, a gente pode ser punido durante o campeonato. Infelizmente aconteceu”, declarou.

FIFA informa


Coerência


Se para os colorados só há oficialidade com a FIFA, reconheçam que são duas vezes rebaixados.

sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

quarta-feira, 25 de janeiro de 2017

segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

Cristiano Ronaldo imita Felipão e cita o Grêmio


Um vídeo compartilhado nas redes sociais por fãs de Cristiano Ronaldo chamou atenção. Nas imagens, o melhor jogador do mundo aparece descontraído e imitando o técnico Felipão para os companheiros de Real Madrid antes de uma partida.

– Tá bem, guri?! Tá bem, gurizinho?! Tá bem pra ir, rapá? Scolari que me dizia isso - diz CR7 rindo.

As piadas seguem e o lateral brasileiro Danilo explica que a expressão "guri" é do Sul do Brasil. Cristiano Ronaldo então responde:

– Grêmio.

quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

HollyBINTER


Realidade de 2017


Binter expandindo a marca na Europa


Inter abre temporada 2017 com salários atrasados


Dirigentes aguardam pagamento das cotas do Gauchão, que devem render R$ 12 milhões        

Mais de uma vez, o novo presidente do Inter, Marcelo Medeiros, disse que não reclamaria de seu antecessor. Porém, nem em seus piores pesadelos ele vislumbrou uma realidade como a atual: ele assumiu o clube na Série B e, além disso, atravessando uma situação financeira bastante difícil. Enquanto trabalham na pré-temporada, os jogadores aguardam o pagamento de dois meses de direitos de imagem atrasados — o terceiro vence no próximo dia 20 — e o salário de dezembro, normalmente pago em 5 de janeiro, ainda não foi quitado.

Os funcionários, porém, receberam em dia — o salário de dezembro, inclusive, foi depositado antes do prazo. Os dirigentes colorados aguardam o pagamento das cotas de TV do Gauchão, que devem render R$ 12 milhões, para tentar colocar em dia a folha dos atletas. A venda de algum jogador, como William, por exemplo, também é uma saída.

A escassez de recursos também complica o processo de contratações. Por enquanto, o vice de futebol Roberto Melo tem optado por jogadores que baratos ou que venham sem custos. E improvável que o clube faça algum investimento mais vultoso neste início de temporada. “Assumimos a responsabilidade de comandar o Inter e faremos isso, independentemente das dificuldades. A torcida espera isso da gente”, disse, recentemente, Marcelo Medeiros.

Custo Baldasso


Baldasso ganha R$ 15.000,00 Mensalidade da cadeira central no Bêra é 85 pila. 176 premiados torcedores pagam esse pacote da série B.

Essa vaca produz leite de qual tipo?


1) A 2) B 3) C 4) D 5) Rever Contra

#pokoGremista


Cadê o mico agora? Gabriel Fernández fará cirurgia para reconstruir ligamento


Após uma reavaliação médica realizada nos últimos dias no Uruguai, Gabriel Fernández teve confirmado um rompimento parcial no ligamento cruzado do joelho esquerdo e precisará de uma cirurgia para corrigir o problema. Maurício Machado, um dos representantes do jogador, está avaliando as opções para determinar onde será feito o procedimento de reconstrução do ligamento. Os empresários querem que a cirurgia seja feita na Argentina ou no Brasil. Um contato será feito com o Grêmio para saber se a estrutura do clube será mesmo colocada à disposição do jogador.

O Grêmio garante que irá auxiliar da forma possível na recuperação de Gabriel Fernández, mas irá esperar por uma manifestação oficial do jogador e do Racing-URU para determinar o que será feito. O centroavante de 22 anos quase foi comprado pelo clube gaúcho, mas foi reprovado nos exames médicos.

— Se formos demandados, ofereceremos o apoio que for possível — disse o vice de futebol Odorico Roman.

terça-feira, 27 de dezembro de 2016

Retrospectiva 2016


#FicaPiffio: Inter encerrará 2016 devendo direito de imagem aos jogadores


Folhas de novembro e de dezembro serão deixadas pela gestão Vitorio Piffero a serem pagas pela nova direção do clube, que assume em janeiro

Assim que tomar posse, em 3 de janeiro, o novo presidente do Inter, Marcelo Medeiros, já terá contas a pagar. A sua gestão herdará alguns débitos importantes de Vitorio Piffero: empréstimos duas folhas de imagens a serem pagas aos jogadores, salários de funcionários terceirizados e parcelas de empréstimos bancários. Além de um déficit contábil que poderá se aproximar da casa dos R$ 50 milhões.

— Esperamos receber o clube sem dinheiro em caixa e com dívidas de pelo menos R$ 10 milhões em janeiro — comentou um integrante da nova direção colorada. — A situação é complicada, séria, e o Inter terá algumas dificuldades para começar o ano, isso é inegável. Talvez possamos equilibrar as contas a partir do segundo semestre — acrescentou ele.

Ainda que a temporada de 2016 não tenha sido encerrada, bem como os valores a pagar (e quase nada a receber) os cálculos da nova gestão do Inter não estão tão errados assim. Quem garante é Pedro Affatato, 1º vice-presidente eleito e vice de finanças da direção de Vitorio Piffero.

— Já conseguimos quitar os impostos, que venceram no dia 20, além de boa parte dos terceirizados e as férias do jogadores. Pagamos também a imagem de outubro dos atletas, mas a de novembro ficará para a próxima gestão pagar. E a folha de dezembro sempre é paga em janeiro. Também ficará para a nova gestão — disse Affatato.

A folha mensal do futebol profissional do Inter no segundo semestre de 2016 girou em torno de R$ 6,5 milhões. Somente a imagem, vale R$ 2,7 milhões, segundo Pedro Affatato. O vice de finanças confirma que a gestão buscou há pouco mais de um mês um novo empréstimo junto ao Banrisul, dessa vez na casa dos R$ 7 milhões, a fim de cumprir os compromissos de final de ano — em 2015, a gestão Piffero já havia buscado R$ 60 milhões em instituições bancárias.

— Já até começamos a pagar esse empréstimo. Não tivemos receitas extras, não vendemos jogadores. Tivemos apenas as luvas de R$ 40 milhões da TV (Esporte Interativo). Mas precisamos recorrer ao banco para atender os compromissos de final de ano e para evitar antecipar receitas de 2017. Sofremos lá atrás e não queremos que eles sofram também — justificou Affatato. — Tudo o que der para pagar a gente paga. O que não der, a gente deixa para amanhã — emendou.

Affatato reconhece que o Inter será entregue praticamente sem recursos de caixa e que precisará renegociar novas dívidas a partir de janeiro.

— Não há como negar, vai ficar muito pouco em caixa — admitiu Pedro Affatato. — Apesar de todas as dificuldades econômicas do país, terminamos o ano em equilíbrio. O problema do Inter é esse déficit mensal, que o clube precisa sofrer uma redução drástica no passivo. Há muitas contas deixadas para trás, a cada gestão, é algo histórico. Somente em 2016 precisamos comprometer mais de R$ 80 milhões em contas do passado. E o clube vai seguir comprometendo o seu dinheiro com o passivo por muitos anos ainda — concluiu o dirigente.

Inter já é a terceira maior torcida do RS.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...