quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Um pouco de história

Enviado por João Carôllo – Porto Alegre

Analise sem deletar antes de ler até o final, independente de qual é seu time do coração.

Os números não mentem jamais.

TIREM SUAS PRÓPRIAS CONCLUSÕES APÓS LEREM ESSE EMAIL.
1962 - Grêmio campeão Sul Brasileiro
1975 - Internacional campeão Brasileiro
1976 - Internacional bicampeão Brasileiro
1979 - internacional tricampeão Brasileiro
1981 - Grêmio campeão Brasileiro
1983 - Grêmio campeão da Libertadores
1983 - Grêmio campeão Mundial

Surge então em nosso Estado o primeiro campeão de tudo. Nessa época o Grêmio já possuía todos os títulos possíveis, ou seja:
Campeão do estado;
Campeão da região Sul;
Campeão do Brasil;
Campeão da América e
Campeão do Mundo.

Vamos então chamá-lo de Campeão de tudo ???
Não... não precisa... a torcida prefere chamá-lo de GRÊMIO!

continuando:
1989 - Grêmio campeão da Copa do Brasil
1990 - Grêmio supercampeão Brasileiro

Mais esses dois títulos inéditos teriam tornado o Grêmio campeoníssimo de tudo então!

O primeiro campeão da Copa do Brasil, e o primeiro e único supercampeão brasileiro... vamos chamar de Grêmio campeão de tudo ????
Não precisa .... GRÊMIO continua ótimo...

1992 - Internacional - Campeão da Copa do Brasil
1994 - Grêmio bicampeão da Copa do Brasil
1995 - Grêmio bicampeão da Libertadores
1996 - Grêmio bicampeão Brasileiro
1996 - Grêmio campeão da Recopa

Além de repetir títulos o Grêmio coloca mais uma taça no armário, a Recopa, inédita, em nosso Estado... obviamente, o Estado só tinha até então um campeão além de nossas fronteiras nacionais...
Acostumado a erguer taças novas e repetidas, sua torcida prefere chamá-lo apenas de GRÊMIO... sem coroas, estrelas duplicadas, firulas e frescuras na camisa...

1997 - Grêmio tricampeão da Copa do Brasil
1999 - Campeão da Copa Sul

Copa Sul, mais um título... Aliás, o primeiro e único até hoje campeão da Copa Sul... (aliás, tem uns e outros por aí que nunca tiveram esse titulo e se auto proclamam campeão de tudo).

Mas pra quê ser chamado de campeão de tudo? Só GRÊMIO tá bom.

2001 - Grêmio tetra campeão da Copa do Brasil
2005 - Campeão brasileiro da Série B (Como se não bastasse até a taça da Série B veio parar no armário do Grêmio).

2006 - Internacional campeão da Libertadores (23 anos após o Grêmio ter sido)
2006 - Internacional campeão Mundial (23 anos após o Grêmio ter sido)
2007 - Internacional campeão da Recopa (16 anos após o Grêmio ter sido)

2008 - Internacional campeão da Copa Sulamericana

2010 – Internacional Bi-Campeão da Libertadores (15 anos após o Grêmio ter sido)

GRÊMIO :
36x Campeão Gaúcho
1x Campeão da Copa Sul
1x Campeão do torneio Sul Brasileiro
2x Campeão Brasileiro S-A
1x Campeão Brasileiro S-B
1x Campeão do Supercampeonato brasileiro
4x campeão da Copa do Brasil
1x Campeão da Recopa
2x Campeão da Libertadores
1x Campeão Mundial
10 Competições diferentes
14 Títulos sem contar o Gauchão


INTERNACIONAL :

38x Campeão Gaúcho
1x Campeão da Copa do Brasil
3x Campeão Brasileiro
2x Campeão da Libertadores
1x Campeão do Mundial
1x Campeão da Recopa
1x Campeão da Copa Sulamericana
7 Competições diferentes
9 títulos sem contar o Gauchão

ANALISANDO (NEUTRAMENTE) OS NÚMEROS, QUEM É O VERDADEIRO CAMPEÃO DE TUDO???? – DE QUE ADIANTA SE AUTOPROCLAMAR EM CIMA DE IRREALIDADES, É SÓ

RELEREM ACIMA, DE QUE ADIANTA IR CONTRA FATOS?!

PS.: Não precisamos de ônibus escrito CAMPEÃO DE TUDO, basta estar escrito GRÊMIO, que os adversários e todos que conhecem os números já sabem.

Nosso maior herói (Renato Portaluppi) é idolatrado até hoje quando entra no olímpico, já o DELES (GABIRÚ) nem sabem por onde anda.

Essa é a diferença....

Como sempre digo :

“Metade do RS é gremista. A Outra metade, gostaria de ser”......

terça-feira, 26 de outubro de 2010

Cada um com suas preferências

O Gremista prefere mulher (até mesmo colorada)

















Já o colorado é mais chegado numa vaquinha...

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

5º Arbitro COLORADO comemora no penalty do Rochemback

Imagem do Sr. Alexandre Kleiniche, Clique na figura para ver o vídeo

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Beira-Rio, em painéis, se orgulha de uma Copa que pode não ser ali

Antes de complicações da Fifa, clube escancarou satisfação por sediar o Mundial. Dirigentes preferem perder Copa do que se endividar

Por Alexandre Alliatti Porto Alegre

Na entrada do Beira-Rio, um painel em vermelho afirma que o estádio está em obras. Afinal, ali é a sede porto-alegrense do Mundial de 2014, diz o Inter em uma mensagem, com exclamação e tudo: “A Copa do Mundo é nossa!”. O que o clube não imaginava, ao escancarar seu orgulho nos letreiros, era que complicações da Fifa colocariam em risco a presença do torneio na casa colorada. É improvável, mas pode acontecer de o Inter ter que se submeter a retirar os painéis, porque o Mundial corre o risco de não acontecer ali.
painel obras estádio beira rio internacional 
Painel na entrada do Beira-Rio pode perder sentido
(Foto: Alexandre Alliatii / Globoesporte.com)
 
São dois problemas. Primeiro, a exigência da Fifa de que o clube apresente garantias financeiras mais sólidas. A entidade não aceitou a proposta do clube de fazer as reformas do Beira-Rio com recursos próprios. Será preciso recorrer a uma empresa parceira ou a financiamentos bancários. Segundo, o clube recebeu a determinação de que terá que rebaixar o gramado em 1,5 metro. O problema é que ali está um lençol freático. A obra, admite o clube, até é possível, mas representa um custo que a diretoria prefere nem imaginar. O Inter bate o pé e não aceita rebaixar o gramado.
Como consequência, corre o risco de ficar sem a Copa e ver todos aqueles painéis (assim como camisetas com a mesma mensagem) perderem o sentido.
- Claro que isso seria feio, mas ficaria mais feio ter que se endividar por causa disso – afirmou Emídio Ferreira, vice-presidente de Patrimônio do Inter.

painel obras estádio beira rio internacional 
Clube exclama que Copa será no estádio, mas
corre risco (Foto: Globoesporte.com)
 
Na semana que vem, o vice-presidente do Inter, Pedro Affatato, terá novo encontro com o Comitê Organizador Local da Fifa. O dirigente tentará abrandar as exigências da entidade. Sobre o gramado, o Inter sugere que os primeiros degraus das arquibancadas não sejam utilizados. O anel inferior, garante o clube, será elevado, o que melhorará a visibilidade do campo, que é justamente o motivo que levou a Fifa a pedir o rebaixamento do campo.
A diretoria do Inter está claramente irritada com as exigências. Emídio Ferreira argumenta que as conversas sobre as reformas se arrastam há dois anos e meio e lamenta que só agora a Fifa tenha reclamado do gramado. Boa parte da diretoria colorada já não fala com tanto entusiasmo sobre sediar o Mundial. Bateu uma resignação no clube, um sentimento de que é melhor ficar sem a Copa do que ver o clube se endividar por causa daquilo que um dirigente classificou como “frescura” da Fifa.
Mesmo assim, o clube segue confiante de que tudo será resolvido. Enquanto isso, como diz a placa na entrada do estádio, o Beira-Rio segue em obras – que, garante a diretoria, serão mantidas com ou sem Copa do Mundo no Beira-Rio.
(Fonte: Globoesporte.com)

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Vote na vaca TRICOWLOR - na enquete do clicrbs

Clique na foto para votar na TRICOWLOR da COWPARADE

terça-feira, 19 de outubro de 2010

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Conmebol confirma volta do G-4 ao Campeonato Brasileiro


Allan Farina
A Conmebol voltou atrás nesta segunda-feira e devolveu ao Campeonato Brasileiro sua quarta vaga à Copa Libertadores. A entidade havia definido que o torneio nacional classificaria somente três times depois que o título da Copa Sul-Americana também passou a dar vaga à competição continental, mas desistiu de sua decisão.
Segundo a assessoria da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), porém, a quarta vaga via Campeonato Brasileiro não é uma certeza. Caso uma equipe do país vença a Copa Sul-Americana, o torneio nacional perde novamente o G-4. Avaí, Goiás, Palmeiras e Atlético-MG estão na briga pela competição sul-americana e podem garantir presença na Libertadores 2011.
A nova decisão ocorreu após reunião realizada nesta segunda na sede da Conmebol, no Paraguai. No encontro, representantes dos países sul-americanos discutiram a distribuição das vagas, e optaram por retornar ao modelo antigo. O presidente da CBF, Ricardo Teixeira, intercedeu em nome do Brasil.
Caso o Brasileiro terminasse hoje, Cruzeiro, Fluminense, Corinthians e Atlético-PR estariam classificados à próxima edição do torneio sul-americano. Santos e Internacional, atuais quarto e quinto colocados, já estão garantidos por serem respectivamente campeões da Copa do Brasil e da última Libertadores.
Antes da decisão desta segunda-feira, o Brasil perderia sua vaga justamente devido ao título do Inter. A Conmebol tinha considerado que o país da equipe que venceu a Libertadores perderia uma vaga via competição nacional.

Olé do Urubu no Engenhão

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Semelhanças

Enviado por alexsanderdossantos

Mestre Jonas

Enviado por JoaoCamargo

quinta-feira, 7 de outubro de 2010

terça-feira, 5 de outubro de 2010

Luigi

















Enviado por JoaoCamargo
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...