sábado, 8 de julho de 2017

Nunca faturaram tanto: BRIO teve prejuízo de R$ 89 milhões em 2016

A  Holding Beira-Rio S/A ou apenas Brio S/A é a SPE (sociedade de propósito específico) criada no mês de junho de 2012 para comandar a remodelação do estádio Beira-Rio e vai administrá-lo pelos próximos 20 anos.

Em seu primeiro ano de operação, em 2014, foram R$ 17,190 milhões de prejuízo.

Em 2015  acabou saltando para R$ 30,456 milhões.

O balanço de 2016 apresentou um déficit de 89,1 milhões.

São mais de R$ 136 milhões de prejuízo nestes três anos.

Para o executivo Paulo Urnau Pinheiro, CEO da BRIO há um planejamento para 20 anos: “Não existe como apresentar lucro no terceiro ano de um projeto de 20 anos.” Lembrando que a BRIO paga parcelas mensais de um empréstimo de R$ 350 milhões.

A BRIO é formada por enquanto por dois sócios: a Holding Andrade Gutierrez e o banco BTG Pactual, ou seja, a SPE É DE 50% de cada um desses sócios. E tem escritório localizado próximo ao estádio, onde será a sua sede.

A Brio é também gestora do novo edifício garagem, das novas áreas de negócios do estádio e explora:
– o estacionamento no edifício-garagem;
– os 55 skyboxes ;
– Os 66 camarotes (do dota de 70, pois quatro são do clube)
– AS 5.000 cadeiras VIPS (setor da antiga social) ;
– parte das cadeiras de todo o estádio (cerca de 15%) ;
São cerca de 7.000 lugares no estádio.,
O Street Mall;
OS 66 bates do estádio, e toda a gastronomia do complexto
– o Naming Rigths (se houver), e a publicidade do estádio
Os eventos no estádio
O Sunset Beira-Rio.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...